FORMAÇÃO

Engenheiro Civil formado pela Pontifícia Universidade Católica de MG (PUC-MG), com MBA em Finanças pela Pontifícia Universidade Católica do RJ (PUC-RJ), especialização em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e com formação executiva em Negócios (AMP – Advanced Management Program) pelo ISE (EUA/Brasil/Espanha).

ATUAÇÃO

Com 30 anos de experiência na Gestão de Contratos de Infraestrutura – obras de grande porte, como: Metro, Portos, Saneamento, Rodovias, Siderurgia, Energia Termoelétrica e Hidrelétrica, Aeroportos, Edificações, entre outros. ◊ Atuou como Gerente e Diretor de contratos das principais obras de Linhas de Metrô de São Paulo. Conselheiro executivo do Consórcio Construtor de Belo Monte – 3a maior hidrelétrica do mundo construída no norte do Brasil. ◊ Diretor de operações responsável pela construção do novo terminal do Aeroporto de Confins em Belo Horizonte – MG. ◊ Responsável pela implantação de processos de melhoria contínua, Lean Construction atingindo excelentes resultados de produtividade nas empresas em que atuou. Desenvolvimento de negócios junto à empresas e investidores internacionais (Europa, Coreia, China e USA) ◊ Desenvolvimento de negócios com setores públicos e privados. ◊ Responsável por atuar em projetos e contratos de grande complexidade e valor.

Guilherme Barbosa tem 30 anos de experiência em Gestão de Contratos de Infraestrutura em obras de grande porte, tais como: Obras metroviárias, Portos, Saneamento, Rodovias, Siderurgia, Mineração, Energia Termoelétrica e Hidrelétrica, Aeroportos e Edificações.

Engenheiro civil formado pela Pontifícia Universidade Católica de MG (PUC-MG); com MBA em Finanças pela Pontifícia Universidade Católica do RJ (PUC-RJ), especialização em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e com formação executiva em Negócios (AMP – Advanced Management Program) pelo ISE (EUA/Brasil/Espanha).

Atuou nas principais empresas públicas e privadas de engenharia e construção do país, sendo responsável por projetos e contratos de grande complexidade e valor.

– Projetos das principais linhas de Metrô da cidade de SP, cujos contratos ultrapassam a cifra de R$ 5 bilhões e equipes compostas por pessoal direto e indireto, num total aproximado de mais de 10 mil colaboradores.

– Projetos de Hidrelétricas com destaque para Belo Monte, onde atuei como membro do Conselho Executivo, cujo contrato foi da ordem de R$ 15 bilhões e um pico máximo de colaboradores na ordem de 35 mil pessoas.

Apesar de um nome consagrado como gestor de projetos, sua paixão é trabalhar com reestruturações organizacionais, implantação de unidades de negócios dentro das organizações, desenvolvimento e implantação de planejamento estratégico e gerenciamento de crises.

Seu expertise é apresentar ao cliente uma visão estratégica do negócio, mostrar como liderar equipes multidisciplinares e aplicar técnicas de comunicação e negociação em diferentes níveis hierárquicos.

Já desenvolveu negócios junto a empresas e investidores internacionais da Europa, Coreia do Sul, China e USA.